De Volta para a Casa do Pai – Semana 2: De volta para casa – A ovelha perdida

TEXTO:

Todos os publicanos e “pecadores” estavam se reunindo para ouvi-lo. Mas os fariseus e os mestres da lei o criticavam: “Este homem recebe pecadores e come com eles”. Então Jesus lhes contou esta parábola: “Qual de vocês que, possuindo cem ovelhas, e perdendo uma, não deixa as noventa e nove no campo e vai atrás da ovelha perdida, até encontrá-la? E quando a encontra, coloca-a alegremente sobre os ombros e vai para casa. Ao chegar, reúne seus amigos e vizinhos e diz: ‘Alegrem-se comigo, pois encontrei minha ovelha perdida’. Eu lhes digo que, da mesma forma, haverá mais alegria no céu por um pecador que se arrepende do que por noventa e nove justos que não precisam arrepender-se”. (Lucas 15:1-7)

ENCONTRO:

Qual foi a escolha mais difícil que você teve que tomar? Quais foram as conseqüências dessa escolha? Valeu a pena?

EXALTAÇÃO:

GALILEU – FERNANDINHO

OUSADO AMOR – ISAIAS SAAD

EDIFICAÇÃO:

Nas duas primeiras parábolas, Jesus deixa claro que a questão não estava relacionada simplesmente a perda da moeda ou a perda da ovelha. A questão aqui é bem mais séria. Envolve a questão moral. A mulher recebia quando casava, recebia uma diadema, uma espécie de coroa com moedas e dependendo do tempo de casada, se tinha mais ou menos moedas nesse diadema.Portanto, perder uma moeda significava perder sua dignidade. E o mesmo pode se aplicar a ovelha perdida. Para o pastor, perder uma ovelha era mostrar aos outros toda sua incapacidade de cuidar daquele bem. Portanto, quando Jesus pronunciava essas duas parábolas, Ele estava falando da falta de amor dos fariseus com relação aos pecadores.

1) Por que os Fariseus reclamavam do fato de Jesus comer com publicanos e pecadores?

2) Em sua opinião, por que Jesus resolve responder aos fariseus com essas parabolas?

3) Como, de forma prática, Jesus nos carrega (ovelhas perdidas) em seus ombros?

4) Como se sente sabendo que Jesus não desiste de você?

EVANGELISMO:

Vem aí…

Foi muito bom você ter vindo. Nos vemos em nossa próxima reunião do NOSSO PEQUENO GRUPO, ou em uma das Celebrações na Igreja. Até lá!